O QUADRO DA GI ÁBREGO


Minha amiga Gislaine Ábrego é uma artista maravilhosa. Pedi uma tela pintada por ela de presente de aniversário e ganhei. Muito linda.

Coloquei no escritório de casa, para receber melhor os amigos. Veja a foto acima como o quadro ficou bonito. Obrigado, Gi, de coração.
BORDEL EM BRASÍLIA

Um jornalista descobre que existe um bordel em Brasília, no qual vão todos os políticos, e decide investigar. Fala com a cafetina e pergunta:

- FHC vinha aqui?

- Sim, claro! Dava gosto, um cavalheiro. As melhores meninas, o melhor champanhe, as melhores gorjetas. Cada vez que vinha, era uma festa.

- Guido Mantega vem?

- Sim! Mas não é a mesma coisa. Sempre pede desconto, nunca pede champanhe, pede guaraná; nunca está de acordo com a conta, sempre se queixa e nos ameaça com mais impostos.

-Gabeira, também vem?

-Sim, mas não procura meninas e, sim, meninos.

-E a Dilma?

-Bem, essa é o contrário; procura meninas e não meninos.

-E o Lula?

-Também vem, mas esse fica só um pouquinho. Entra, dá um beijo na mãe e vai logo embora.
THE GOONIES 'R' GOOD ENOUGH (CYNDI LAUPER)

A cantora Cyndi Lauper, chamada de "Patinho Feio do Rock", arrebentou nos anos 80, mas seus clipes nunca foram lá essas coisas. A música "The Goonies 'r' Good Enough (algo como "Os Goonies são muito bons") é uma das minhas prediletas, porque me lembra do filme, "The Gonnies", de 1985. É uma comédia muito massa.

O clipe é legal apenas por mostrar trechos do filme, mas é bobinho, bobinho. Aliás, bobinho demais... rs rs... mas vale a pena relembrar o som.

O MARCELÃO VAI PARA O PAN


O Rio de Janeiro vai receber um grande jornalista de nossa região nos próximos dias. Meu amigo Marcelo Espinoza vai acompanhar os Jogos Panamericanos.

Já está devidamente cadastrado pelo comitê. Veja seu crachá acima. Boa sorte, Marcelão. E não se esqueça de mandar fotos para o blog, viu!
A BRUNCA ESTÁ DE VOLTA


Minha amiga Luciana Brunca está de volta à Redação depois de um período na Sucursal de Birigüi. Como é sempre brincalhona, deixa o ambiente mais alegre. É muito bom tê-la por perto.

A Brunca passou por problemas de saúde. Teve gripe, pneumonia, sarampo, dengue, leishmaniose e, para finalizar, febre amarela. Tudo na seqüência.

Já tinha até providenciado meu terno preto, mas não é que ela resistiu bravamente!! Veja a foto que fiz com ela comemorando a vitória. Seja bem-vinda, Bruncão!!
O GUS FIALHO FICOU MAIS VELHO

Clique aqui para ver as fotos
Meu amigão Gustavo Fialho, um dos caras mais legais que conheço, ficou mais velho ontem, dia 28. Completou seus 39 anos quase tão careca quanto eu!! rs rs

Uma festinha durante o expediente marcou da data. Teve bolo, salgadinho e até discurso do aniversariante, que estava felicíssimo!!

Gostaria de ter mais pessoas em minha vida como o Gu. Um cara sempre amigo, pronto para ajudar.

As fotos foram feitas pelo Valdivo Pereira.

Como o Gu merece, fiquei responsável pelo corte do bolo. Judiação... ficou todo detonado... rs rs
AOS QUE ENXERGAM, MAS NADA VÊEM

Texto enviado por meu amigo Percival Barreto, um ser humano fantástico e muito religioso. Acho que serve para pessoas que enxergam, mas nada vêem no seu dia-a-dia por causa do seu egocentrismo. Convivo com algumas. Espero que leiam e reflitam.

Havia uma garota cega que se odiava por isso! Ela também odiava a todos, exceto seu namorado!

Certa vez, ela disse que se pudesse ver o mundo, se casaria com seu namorado. Em um dia de sorte, alguém doou um par de olhos a ela!

Então, seu namorado perguntou: "Agora que você pode ver, se casa comigo?"

A garota ficou chocada quando viu que seu namorado era cego!

Então, ela disse: "Sinto muito, mas não posso me casar com você porque é cego!"

O namorado, afastando-se e em lágrimas, respondeu: "Por favor, apenas cuide bem dos meus olhos, eles eram muito importantes pra mim..."

Moral da história: nunca despreze quem ama você. Às vezes, as pessoas fazem certos sacrifícios e nós nem ligamos.
15 ANOS DE PAIXÃO


Eu e minha amada-amante Luci Neide comemoramos 15 anos de casamento no último dia 27 de junho. Uma data muito importante para duas pessoas que se amam e vivem diariamente como dois namorados, sempre aos beijos e abraços.

A gente se conheceu na escola, no JBC de Andradina. Éramos da mesma classe e estávamos namorando, cada um com seu par, é claro... rs rs.

A paixão surgiu aos poucos. Namoramos, noivamos, casamos, brigamos muito, separamos, voltamos, nos amamos e nunca mais nos deixamos... Há dez anos nasceu nosso filho, o Michael, nossa maior conquista.

Começamos sem nada, morando no fundo da casa de meu pai em um quartinho que virou uma pequena residência. Para comprarmos nosso primeiro carro, a Lu precisou vender o vestido de noiva para inteirar o valor.

Para lembrar a data, publico aqui a foto acima, feita no dia do nosso casamento. Abaixo, o clipe de nossa música, "Listen to your heart" ("Escute seu coração", em português), que dançamos em uma discoteca de Andradina, cujo DJ era meu grande amigo Renato Kiyoshi.

Minha sobrinha-filha Rosângela diz que somos um espelho de casal para ela. Já me perguntaram como a gente faz para viver tão bem. Acho que a gente faz como a nossa música: escutamos diariamente nossos corações...


O XANDÃO VAI SER APREENDIDO


Meu amigo Alexandre Souza é uma figurinha. Está sempre aprontando e fazendo a gente rir muito, gostar cada vez mais dele.

Veja a foto acima. Como pode ele infringir a lei e entrar no local!!! Vai ser apreendido, não vai ter jeito!! rs rs rs
O EXEMPLO DO PROFESSOR MILTON

No último dia 6 de junho, cerca de 180 alunos de uma das escolas mais tradicionais de Andradina, a JBC (João Brembatti Calvoso), foram às ruas protestar contra a saída do professor Milton Francisco Jorge do cargo de vice-diretor da instituição. Munidos de faixas, bradavam que "Sem o Miltão, a escola vai para o chão".

A manifestação foi motivada pela decisão da nova diretora da escola, Mauraci Miguel de Amorim, de afastá-lo do cargo, que é comissionado, ou seja, ela decide quem vai ocupá-lo. Atualmente, o professor Milton está de férias e não deve voltar à função nem à escola.

Toda essa celeuma teve um fator positivo: a mobilização de estudantes adolescentes em prol de algo que acham correto. E ainda mais em defesa de um professor, classe tão desvalorizada em nosso país e muito desrespeitada por grande parte dos estudantes, principalmente nas escolas públicas.

Uma das estudantes entrevistadas pelo repórter Juliano Silva, Larissa Jacob, de 17 anos, argumentou que os alunos têm uma identificação forte com o professor, que está na escola há 26 anos e há 12 era vice-diretor. "O Milton é um amigo dos estudantes; ele consegue fazer com que todos respeitem as normas e entendam os limites apenas com o seu jeito de conversar, sem precisar impor nada", declarou, em matéria publicada na Folha da Região do último dia 7 de junho.

Mais impressionante que essas declarações é a imagem do protesto, mostrando uma multidão de alunos. Algo difícil de ver nos dias de hoje e tão comum apenas em épocas de ditadura militar e campanhas para eleições diretas.

Larissa não está errada. Conheço o professor Milton porque fui seu aluno no final dos anos 80. Naquela época, como faz ainda hoje, lecionava Educação Artística. Era uma figura adorada por todos os alunos. Lembro-me que fazia gênero de professor bravo, sério, mas na verdade era um coração mole, sempre amigo.

Cenas que não me saem da memória: as provas aplicadas por ele. Muito rigoroso, ficava de olho para que a turma não “colasse”. Chegava até, em meio a risos, colocar sua cadeira em cima da mesa e sentar nela só para observar melhor.

Anos depois, já jornalista formado, estive em Andradina e visitei a escola em que fiz parte do colegial e curso técnico de Contabilidade. Encontrei o professor Milton como vice-diretor. Tinha o mesmo carisma e ainda lembrava de mim e da época em que era presidente do grêmio. Hoje, sou professor como ele e me emocionei com a passeata dos alunos, e com a foto. Uma baita manifestação de carinho, que não se esquece.

Os alunos precisam entender que a diretora tem o direito de mudar o ocupante do cargo de vice, nomear alguém que tenha mais afinidade e confiança. É algo difícil para a adolescência, quando se quer protestar contra tudo e todos.

Já o professor Milton, que disse ter ficado chateado, mas respeita e entende a decisão de Mauraci, deve ficar feliz com o episódio. Um cargo é passageiro, mas um bom professor na vida de um aluno é algo inesquecível. Ele deve refletir e concluir que atitudes como a que tiveram em seu nome é a resposta de todas as sementes que plantou em sua carreira como mestre.

O professor Milton não é apenas um grande profissional. Ele transformou as festas juninas do JBC - as quais tive a honra de participar - em eventos tradicionais. E, com toda a sua criatividade, também transformou a escola em ponto de referência nas festas natalinas, com decorações chamativas e muito bonitas.

Tudo que aconteceu com esse professor andradinense deve servir de exemplo para a nossa classe. Não basta ensinar a matéria, dar provas e notas. É preciso ensinar lições de vida, marcar sua presença com demonstrações de carinho e afeto para aqueles que precisam de mais do que o trivial. Sim, não é fácil. Hoje, há professores com medo de alunos, muitos violentos e agressivos. Mas mesmo entre as cinzas, surgem flores que merecem ser cultivadas para crescerem fortes e belas.

Uma passeata como aquela foi formada dessas flores, cuidadas durante anos de muita atenção. Assim, faço uma sugestão ao Miltão: transforme aquela foto do jornal em um quadro. E quando alguém lhe perguntar o que é aquilo, responda, orgulhoso, que são as flores do jardim de sua vida.
FOTOS E VÍDEO

Foi um sucesso a festa junina da Folha da Região no último domingo, em comemoração aos 35 anos do jornal. A quadrilha, formada de última hora, ficou muito engraçada.

Clique aqui para acessar as fotos que fiz do pessoal da Redação e amigos


Clique aqui para acessar as fotos feitas pelo Alexandre Souza e postadas pelo Marco Senche


Veja abaixo o vídeo completo da quadrilha:


CRISPIM, O JORNALISTA JURÁSSICO


Meu velho amigo Crispim está na carreira jornalística há muito tempo. Lembro-me a primeira vez que o vi. Eu era presidente do grêmio do JBC, escola tradicional de Andradina, e ele já era repórter e me entrevistou.

Hoje, o Crispim é editor-chefe do jornal Liberal Regional, de Araçatuba. Para provar o quanto o homem é antigo na profissão, meu também amigo andradinense Jean Oliveira me enviou a foto acima. Nela, o Crispim mostra capa da edição do dia 11 de outubro de 1986 da Folha de S. Paulo em que saiu em três colunas uma chamada de capa de matéria dele, na dobra de cima.

"A gente chama ele de velho e ele reclama; com uma destas não dá para não pegar no pé dele", brinca o Jean.
A BARRIGUINHA DA VIVIANE


Olha que foto lindinha. É a barriguinha de 20 semanas da Viviane Parra, que espera ansiosa a chegada da filhinha, a Laurinha. O nome é escolha do pai, o Matheus.

"Vai nascer na primeira quinzena de outubro", afirmou a Vi em mensagem no meu Orkut. "Mande um beijo a todos aí da Redação!!! Qualquer dia apareço com minha barriguinha (barriguinha mesmo... nem parece que já estou indo pro 6º mês) na redação... Vou levar a Laura para conhecer vocês.. beijos..."

Vem sim, Vi. O pessoal vai adorar!
O XANDÃO TÁ PEGANDO O PAULINHO


Esta é a comprovação do relacionamento extrahomobichassexual entre o Xandão Bocão e o Paulinho Gonçalves, coisa de fotógrafos. A imagem foi enviada pelo Jean Oliveira.

Aliás, o Xandão não respeita nem o Paulinho ser um homem da terceira idade, com barbicha brança e óculos para poder ver as fotos. É muita crueldade!!!
[ página principal ] [ ver mensagens anteriores ]



Volte sempre ao Blog do Zemarcos


Bem-vindo ao Blog do Zemarcos
José Marcos Taveira, autor deste blog, é jornalista e professor universitário em Araçatuba/SP.



Google


Faça parte de nossa comunidade no Orkut

Blog legal indicado pelo UOL

Links & Sites







Mensagens antigas deste blog
Mensagens antigas do blog, separadas semanalmente.
Sites e blogs indicados por
este blogueiro.


Indique este blog
Indique este blog
e ajude a divulgá-lo.









Divulgue seu blog!


Visitante número: